Brexit: Aeroportos portugueses vão ter corredores só para cidadãos britânicos

Além dos corredores para os britânicos nos aeroportos do Funchal e de Faro, o Governo também anunciou a contratação de 60 funcionários alfandegários.

Aeroporto-do-Porto

Já as empresas nacionais que exportam para o Reino Unido vão ter acesso a uma linha de financiamento de 50 milhões de euros para enfrentar o Brexit.

O Governo vai criar corredores somente para os cidadãos britânicos em dois aeroportos portugueses, após o Brexit, para permitir a sua entrada em Portugal sem problemas. Os corredores vão ser criados nos aeroportos do Funchal e de Faro, precisamente onde a maioria dos britânicos entra no país.

“80% dos turistas britânicos entram em Portugal pelos aeroportos de Faro e Funchal. Vão ser criados corredores dedicados aos cidadãos britânicos, tendo em vista agilizar a entrada de turistas britânicos e evitar situações de bloqueio”, anunciou o primeiro-ministro esta quinta-feira, após a reunião de conselho de ministros.

António Costa destacou a importância de criar estes corredores, pois o mercado britânico é o maior mercado emissor de turistas para Portugal.

O Governo também vai contratar 60 funcionários alfandegários, para reforçar a fiscalização de bens nas fronteiras.

O primeiro-ministro destacou que o Governo já aprovou uma linha de financiamento de 50 milhões de euros para apoiar as empresas portuguesas que exportam para o Reino Unido, no caso de uma saída dura do Reino Unido.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*